Artistas: Aieda Freitas e Simone Jablkowicz
Materiais: conta-gotas, fio de nylon, espelho, sensores, caixas de som.

Gota d`água
Conta-gotas suspensos formam uma cortina e convidam o espectador a sua interação.
Toda vez que algum desses conta-gotas for ativado, ele acionará um dispositivo sonoro + visual.
A obra busca em sua poética a referência dos orixás das águas para chamar atenção para uma reflexão bastante contemporânea : a relação humana com a água, suas conseqüências desde a poluição dos rios e mares até a falta de água ocasionada pela má administração desses recursos.
O corpo humano é composto na sua maior parte de água, portanto trata-se de uma questão VITAL. Estamos vivendo um momento limite e, como diria Chico Buarque: Qualquer desatenção pode ser a gota d`àgua.